mancais de deslizamento

Bucha Autolubrificante: Conheça os Diferentes Tipos Deste Componente

Assim como já citamos em outros textos do nosso blog, a bucha autolubrificante é uma peça crucial, para suportar as cargas aplicadas em eixos e proteger o alojamento de vários equipamentos industriais.

Mas, é preciso escolher o item certo, para ampliar a vida útil das máquinas, evitar falhas e melhorar seu trabalho.

Por isso, ao longo deste texto, vamos falar sobre os vários tipos de buchas e te ajudar a escolher a melhor opção para a sua indústria.

Então, continue a ler e saiba como obter o modelo ideal para sua produção!

Bucha autolubrificante: resistência que protege

Sem dúvida, a resistência é um dos aspectos centrais da bucha autolubrificante. Afinal, essa peça deve suportar grandes cargas durante a ação dos sistemas de rotação das máquinas.

Sendo assim, a qualidade desse item garante o bom funcionamento do eixo e de todas as partes ligadas a ele. Logo, optar por um item que não atenda a essa função, pode ser muito nocivo para a plena ação da máquina e para os resultados da fábrica.

Desse modo, além de suportar as cargas, as buchas também reduzem os choques gerados por elas. Por isso, se a resistência não for a maior prioridade da opção, alguns defeitos podem surgir, como o avanço de trincas, ruídos e outros problemas.

Além disso, a bucha precisa reduzir o atrito e dissipar o calor gerado. Porém, é uma escolha a ser feita com atenção. Assim, os atributos mecânicos são capazes de suportar os esforços e garantir a proteção esperada.

A bucha autolubrificante

Antes de revelar todos os tipos de buchas autolubrificantes, também conhecidas por buchas de deslizamento, vamos lembrar dos maiores atributos do material.

Logo, trata-se de um objeto mecânico capaz de apoiar um eixo, quando ele gira. O item é feito por uma base fixa ao sistema e tem um furo, por onde passa o eixo.

Ou seja, essa bucha fica entre o eixo e o mancal, para reduzir o atrito da região.

Por fim, vale frisar que uma das grandes funções desta peça importante é conter as vibrações e gerar a lubrificação ideal, para o sistema se movimentar com segurança. Por isso, é essencial que seja feita de materiais adequados e muito resistentes.

Assim, com a ajuda das buchas, que estão na maioria dos sistemas de movimentação, é possível mudar o torque, a rotação e mover rodas, engrenagens, polias e muito mais.

Diferenças entre mancal e bucha autolubrificante

De fato, existem dois itens diferentes. Os mancais de rolamento ou rotativos e a bucha autolubrificante. Por serem muito confundidos, é preciso explicar as diferenças entre eles, para sanar as dúvidas.

Desse modo, os mancais de rolamento são os itens que podem ser encaixados no sistema de rotação da máquina, para dar suporte ao eixo. Dessa forma, são formados por partes rolantes, como esferas, roletes e agulhas.

Além disso, a peça possui dois anéis, para ações que exigem a união de mais rapidez e menor atrito.

Já as buchas, são peças que se encaixam nos mancais e têm uma camada autolubrificante, que permite a rotação sem a necessidade de óleos, fluídos, entre outros.

Ou seja, a lubrificação também é o maior diferencial entre ambos. Pois, a bucha de deslizamento é autolubrificante e o mancal de rolamento não possui esse aspecto.

Aliás, há pouco tempo atrás, publicamos uma matéria em nosso blog que detalha outras diferenças entre essas peças. Para saber mais, basta clicar aqui!

Tipos de buchas autolubrificantes

Agora que você já sabe o que são as buchas autolubrificantes, entende o valor de sua resistência mecânica e conhece as principais diferenças entre elas e os mancais de rolamento, chegou a hora de descobrir os tipos desse componente.

Em geral, o produto é usado em máquinas pesadas e de baixa rotação, com montagem simples e fácil manutenção. Como você viu ao longo do texto, os itens servem como apoio para eixos em rotação e para os alojamentos onde atuam.

Mas, existem vários modelos desse material. Confira a seguir!

Buchas de bronze

A bucha de bronze é feita para a proteção de eixos e alojamentos de diversos segmentos.

Por serem feitas de bronze, possuem pinos de grafite ou camadas de PTFE, que são agentes diretos da lubrificação da peça, causando o deslizamento necessário, sem a aplicação de óleos.

Esse tipo de bucha é ideal para aplicações severas, como as máquinas de moldes, comportas hidromecânicas e usinas siderúrgicas, por exemplo.

Assim sendo, para esse motivo, nós temos o Dry-Lub®: buchas em bronze, com insertos de grafite, para o total cuidado do seu maquinário.

Esse item é referência em resistência mecânica e lubrificação. Isso, porque, ele cessa o atrito entre os eixos e alojamentos. Assim, ele aumenta a ação das máquinas, além de aumentar sua vida útil.

Sua formação o torna, também, resistente às altas temperaturas, mantendo o deslize completo entre as peças. Conheça tudo sobre esse produto, clicando aqui.

Buchas de aço galvanizado

As buchas de aço galvanizado são ideais, para serem usadas em atividades muito severas e isentas de óleo.

Isso, porque, elas garantem a resistência e a alta lubrificação para sua máquina, protegendo eixos e alojamentos em segmentos industriais, como: gráficas, alimentícias, químicas, agrícolas e automotivas.

Por terem lubrificação contínua, as buchas de aço galvanizado criam uma camada deslizante entre o eixo e o mancal, sendo resistentes ainda às altas temperaturas, por conta de seu deslizamento absoluto.

Assim sendo, para esse caso, nós apresentamos o DRY-MET®, um material de alta resistência mecânica e térmica, para o cuidado total dos sistemas de rotação das máquinas de sua indústria.

Feito de aço galvanizado, com uma camada interna de PTFE, as buchas cilíndricas com ou sem flanges, ou também, os anéis e placas, protegem seus equipamentos com eficácia.

Esse é um item importado, que ainda conta com uma camada central de bronze, para dar ainda mais resistência mecânica e proteção às máquinas.

Clicando aqui, você pode conferir todos os dados e especificações técnicas desse material, bem como, seu o custo-benefício, em comparação aos itens dos concorrentes.

Buchas em polímero

Uma das grandes favoritas das indústrias, são as buchas autolubrificantes feitas com polímeros, que contam com resinas e fibras especiais e podem ser alterados com aditivos que ajudam na lubrificação, como PTFE.

Este material, que tem um deslizamento resistente ao desgaste, é livre de manutenção. Inclusive, pode ser aplicado tanto em ambientes secos, quanto em locais submersos, sem causar nenhum dano ao alojamento.

Folder D-Glide

Sendo assim, para esses casos, temos o D-GLIDE®: buchas autolubrificantes modernas e cheias de resistência mecânica, bem como, alta eficiência.

Ou seja, por ser um polímero, essa solução oferece mais facilidade em trocas eventuais e manutenções. Pois, é muito mais fácil de lidar com este tipo de peça, do que com itens metálicos.

Por falar nisso, esse material é uma ótima opção para ser usado em indústrias hidroelétricas, hidromecânicas, ferroviárias, naval offshore, em bombas submersas verticais, guindastes veiculares, usinas eólicas e válvulas.

Saiba mais sobre esse componente, através do nosso site.

Como saber qual é a melhor bucha autolubrificante para minha indústria?

Agora que você teve contato com todas as principais informações sobre a bucha autolubrificante, é muito bom saber qual é o tipo ideal para sua indústria.

Um bom fornecedor terá todas as noções necessárias, para te ajudar na escolha certa da bucha, de acordo com os detalhes de sua empresa. Isso, porque, para optar pela peça ideal, ele fará uma análise das máquinas, onde ela será usada.

Nessa análise, os sistemas de rotação são estudados, em especial, para se levantar os aspectos como: carga, velocidade e temperatura. Assim, será possível indicar a melhor bucha deslizante, de maneira que esta atenda a carência das máquinas.

A RK tem a solução ideal

Por isso, conte com a RK Componentes Industriais. Estamos há 25 anos na busca de itens de proteção de eixos, alojamentos e isolamento térmico de máquinas, que ofereçam o que há de melhor para a sua indústria.

Com a produção de polímeros próprios, bem como, importação e revenda de componentes metálicos, nós oferecemos peças de acordo com os critérios de uso de cada máquina. Sejam elas, placas, anéis isolantes ou buchas autolubrificantes.

Tudo isso, com o melhor custo-benefício, através de um valor muito mais praticável e entrega ágil, feita sempre entre 7 e 10 dias úteis após o pedido. Ou seja, trabalhamos para oferecer as melhores soluções para os nossos clientes.

Com foco em resistência mecânica e térmica, além de economia energética, temos itens que atendem grande parte dos segmentos industriais.

Entre eles, estão as hidrelétricas, hidromecânicas, navais e offshore, bombas submersas, válvulas, agrícolas, químicas, automotivas, gráficas, alimentícias, entre outras.

Ou seja, nossa ideia é criar uma grande parceria com nossos clientes, a fim de fazer parte dos bons resultados de sua produção, rumo ao sucesso de sua indústria.

Aqui, você terá total atenção, desde o primeiro contato, até o pós vendas, com uma equipe de profissionais especialistas no ramo. Fale conosco agora mesmo e conheça as nossas soluções.